Posts Tagged ‘ Brasil ’

O NOVO REFERANS!

Bom, conforme o prometido, o REFERANS já migrou para o site da revista GLAMOUR! E está super bacana! O porém é que ainda não consegui redirecionar a URL, entãããooo… por enquanto, para acessarem o novo conteúdo, vocês precisam clicar na fotinho ou nesse link AQUI: http://colunas.revistaglamour.globo.com/referans/

Mas prometo resolver isso as soon as possible! =)

Anúncios

O REFERANS ESTÁ DE MUDANÇA!

Já faz um tempinho que estou esperando ansiosa a hora certa para contar essa novidade pra vocês. O REFERANS vai se mudar! E a “casa” nova é bem mais ampla, novinha em folha e cheia de detalhes super bacanas. Pois é, se o blog é como um filho, posso dizer que ele atingiu a maturidade! A partir do dia 28, o REFERANS vai integrar o conteúdo da revista Glamour, a mais nova sensação das editoras Globo + Condé Nast.

O layout vai mudar, as cores também e até as fontes — tudo para deixar a navegação ainda mais dinâmica e gostosa! O que não muda é o conteúdo rico, cheio de novidades e achados do mundo do design, trazendo referências diárias para vocês, sempre. E aí? Empolgados com a notícia?

SEXTA INSPIRADA! ESTANTES

{ Clique na imagem para ler todas as matérias da coluna }

Presentes em quase todas as casas, as estantes funcionam como uma espécie de vitrine da família, reunindo não apenas livros, mas também os objetos mais queridos dos moradores, como fotos, lembranças de viagens e coleções. São muitas as opções de materiais, cores e formas, mas reunimos algumas sugestões bem bacanas e diferentes pra inspirar o seu dia.

Alvenaria colorida

Com nichos em formatos irregulares e descoordenados, essa estante já seria diferente mesmo que fosse inteirinha de uma cor só. Mas, como originalidade nunca é demais, a ideia do designer Benjamin Mahon foi além, e assim os nichos ganharam um delicado tom pastel. Os detalhes em verdinho deixam o ambiente mais divertido e ainda suavizam a espessura da estrutura, que também foge do padrão.

Mix descontraído

Inspirado nas casas de veraneio, sempre tão recorridas por quem vive na cidade grande, Leo Romano idealizou um espaço alegre e arrojado para a Casa Cor Goiás de 2011. Sua principal intenção era trazer para o cenário doméstico urbano o clima descontraído da praia. Um dos destaques do ambiente foi a estante, que ficava suspensa do piso, permitindo vislumbrar o outro lado da sala.

As prateleiras foram preenchidas com itens das mais diversas origens, dos convencionais livros e revistas a velharias, coleções e esculturas, em uma composição estilosa.

Tudo em seu lugar

Vizinha de um bosque preservado em Curitiba, a casa do engenheiro Alam Rech é uma delícia. Apesar da sala não ser muito grande, ele reservou um cantinho especial para um de seus hobbies preferidos, a leitura. Organizadas sobre prateleiras pretas e espessas, encomendadas a uma marcenaria, a coleção de revistas preenche a estante quase por completo. A coluna estrutural de tijolinho garante ainda um jogo de texturas.

Livre, leve e solta

A proposta dos arquitetos Antonio Ferreira Jr. e Mario Celso Bernardes para seu projeto durante a mostra Casa Cor São Paulo de 2009 foi a de usar uma estante preta abarrotada de livros. Abarrotada mesmo! Sem nenhum espacinho livre para objetos. Para o visual da peça não ficar pesado, os arquitetos a fizeram desencostada das paredes, do teto e do piso, quase como se flutuasse. Alguns dos nichos foram preenchidos por nichos menores em cores fortes – laranja, verde e azul – o que deixou o móvel bem menos sério.

Da cor do sol

Se há alguns anos o lema era usar apenas tons neutros na marcenaria, agora a proposta é exatamente o oposto. Vermelho, azul, verde… Hoje em dia qualquer cor pode ser reproduzida nos móveis feitos sob medida, mas a grande eleita é, na maioria dos casos, o amarelo, que está em alta faz tempo. Leo Romano, arquiteto goiano, já projetou uma estante maluca em amarelo em uma de suas participações na mostra Casa Cor. Já os arquitetos do Andy Martin Architects optaram por essa cor para trazer mais energia ao living.

Formas inusitadas

A designer francesa Marika Dru acredita que investir em peças de bom desenho é um dos passos para se ter uma morada original. Tanto que nesse cômodo – um cantinho de leitura com poltrona bem confortável – ela sugeriu aos moradores a estante Split Boxes, da marca Skitsch. A boa notícia é que a marca tem loja aqui no Brasil também, em São Paulo, na famosa Al. Gabriel Monteiro da Silva.

De carona

Existem milhares de ideias interessantes de estante por aí, mas o troféu criatividade vai ter que ir para o estúdio Denieuwegeneratie. No projeto de uma residência na Holanda, os designers fizeram o impensável: fixaram um enorme carro com teto solar na parede e o transformaram em um apoio para livros e objetos super inusitado. Só mesmo em um cômodo bem amplo é que daria pra fazer uma ousadia dessas.

Fotos via Marie Claire Maison | Casa de Valentina | Casa Claudia | AMC Arquitetura | Contemporist | Yatzer

EXPO “DUAS SORTES POR UMA VONTADE, POR FAVOR”

Porque quando se quer mudar de vida é preciso vontade e então a sorte não mais importa.

{ Todas as fotos e vídeos desse post foram realizados por Igor Giroto, o colaborador aqui do REFERANS. }

Independente das técnicas ou plataformas utilizadas em seus trabalhos, o jovem Henrique Tomaz acredita que o verdadeiro valor de sua arte mora na possibilidade de tocar as pessoas. Para ele, sua maior realização é saber que uma de suas telas, instalações ou grafites mudou o dia – ou quem sabe a vida – de alguém. Redator, músico e artista plástico, Henrique, mais conhecido como Rien, tem apenas 21 anos, mas já tem uma consciência social bem mais evoluída do que a de muitos “homens de terno” por aí.

Inspirado pela dura realidade dos dias de hoje, ele procura despertar a atenção das pessoas sobre as enormes disparidades sociais e culturais do nosso país e do mundo. Afinal, já virou algo tão comum ver uma minoria sendo injustiçada, agredida ou discriminada, que às vezes nos esquecemos de que isso não pode ser algo normal, natural ou aceitável.

Confira no vídeo abaixo o artista em ação, pintando e falando com as próprias palavras sobre sua carreira, valores e sonhos.

Bom, apresentações feitas, temos ainda uma boa nova: Rien está exibindo algumas de suas obras em São Paulo. Batizada de “Duas sortes por uma vontade, por favor”, a expo fica em cartaz até o dia 24 de Março na Traço Livre Galeria, em Perdizes. Vai estar de bobeira esse sábado??? Então vai lá! É um programa imperdível pra quem aprecia arte urbana, acessível e engajada. Veja mais detalhes abaixo.

Ah, e tem mais vídeo! Pra vocês darem uma espiada de como a exposição está bacana…

Traço Livre Galeria

R. Monte Alegre 625, Casa 4 – Perdizes

Tel.: 3862-8753

De terça a sexta das 10h às 19h

Aos sábados das 11h às 17h

…..

Fotos por Igor Giroto

TOP 5 | LADRILHOS HIDRÁULICOS

Quem resiste a um lindo piso, parede ou painel coberto por ladrilhos coloridos e estampados? Herança européia, esses revestimentos surgidos no século XIX estão mais atuais do que nunca! Veja 5 opções de como usá-los na decoração e vá garimpar os seus.

{ Nunca esqueço do dia em que estava num restaurante com meu pai e ele me explicou direitinho como os ladrilhos hidráulicos eram feitos e como o trabalho era delicado e artesanal… Desde então, sou apaixonada por eles. }

# 1 No home office da casa projetada pelo escritório ASKarchitects na Grécia, o piso ganhou um desenho floral em tons de cinza e branco. Os móveis e objetos contemporâneos quebram o ar tradicional da composição.

# 2 Esse pequeno nicho na parede da cozinha não teria nem metade do charme se não fosse pelo acabamento de ladrilhos. Ao invés de armário, prateleiras sem portas para revelar o fundo delicado em rosa, vermelho e preto.

# 3 Já na cozinha decorada pela dupla do estúdio Arquitetura Paralela, o piso com detalhes geométricos é o grande chamariz do ambiente. Por conta da ausência de armários sob a pia, a estampa fica ainda mais visível.

# 4 A casa reformada pelo designer Francisco Cálio no litoral paulista guarda muitas histórias. Algumas delas ficam expostas nos pisos, que revelam misturas de ladrilhos de épocas e estilos diferentes. Quase como um registro histórico particular.

# 5 Feitos à mão, os ladrilhos da marca Marrakech Design são assinados por grandes designers, como os arquitetos suecos do Claesson Koivisto Rune. O modelo abaixo é da linha Stone.

Fotos via Yatzer | Pinterest | Casa de Valentina | Evelyn Muller | The Bohmerian

TOP 5 | PAREDES VERDE-ÁGUA

Encantador, vivo e ainda por cima relaxante, o verde-água parece ser a cor do momento. Pelo menos quando o assunto é paredes, e paredes bacanas. Descubra 5 projetos lindos e inspire-se também.

# 1 Criativo como sempre, o arquiteto Guilherme Torres elegeu a cor para trazer vida ao living de um apê de 145m² em Curitiba. A composição fica completa com os móveis, tapetes e tecidos em azul e verde.

# 2 Quem iria imaginar que o verde-água combinava tanto com madeira? Só mesmo o arquiteto e designer Paulo Alves, autor do décor desse dormitório.

# 3 Mesmo na quitinete de 36 m², o designer Gabriel Valdivieso não teve medo de usar as cores. A escolha da paleta nasceu inspirada pelo filme Maria Antonieta, de Sofia Coppola.

# 4 Não só na parede, mas também no mobiliário, os tons suaves são a graça do modesto living decorado pelo próprio morador.

# 5 Tijolinho é sempre lindo! Nessa cor então, beiram a perfeição. E ainda funcionam como fundo para as obras de arte.

Fotos 1 e 3 via Casa de Valentina | 2 e 4 via Casa Claudia | 5 via Pinterest

COZINHAS LEICHT POR MAURÍCIO ARRUDA

A mistura é boa. De um lado, a tecnologia de ponta do design alemão, racional e objetivo. Do outro, o inconfundível “jeitinho brasileiro”, com elementos meio que improvisados e espaços pensados para receber os amigos ali mesmo, na cozinha. É nesse clima high-low que a Leicht, famosa marca de armários planejados da Alemanha, chega ao mercado brasileiro. O showroom, que fica em São Paulo, foi projetado pelo arquiteto Maurício Arruda, expert nessa história de misturar referências.

São quatro modelos de cozinha em exposição, cada qual com o seu estilo e seus componentes exclusivos, pra agradar a gregos e troianos. Todas valorizam a praticidade e a limpeza dos traços contemporâneos, mas tem uma mais jovem e colorida, outra com uma pegada mais sustentável e por aí vai. Além dos armários, gavetas e sistemas de portas e corrediças super avançados, o que encanta mesmo na loja da Leicht são os pequenos detalhes, que simulam aquele clima gostoso de casa.

Fotos via Maurício Arruda

%d blogueiros gostam disto: