Posts Tagged ‘ Brasil ’

SEXTA INSPIRADA! LAVABOS

{ Ok, eu confesso que no último mês a “coluna semanal” acabou virando quinzenal, mas dezembro é sempre mais lento né? E agora ela volta com força total }

Sempre usados pelas visitas, os lavabos estão presentes em praticamente todo tipo de casa e apê. Mesmo pequenos, esses espaços podem revelar muito sobre a personalidade do dono da casa e causar grande impacto visual. Nos projetos abaixo, conheça ótimas propostas de como criar detalhes diferenciados e marcantes. Agora você não tem desculpas pra ter um lavabo sem graça!

Passagem Secreta

Depois da ousada reforma comandada pelo arquiteto Guilherme Torres, esse apê em Curitiba nunca mais foi o mesmo. { Veja o projeto completo aqui }. Com acesso direto ao hall de entrada, o lavabo precisava ficar totalmente camuflado à primeira vista, por isso o ambiente ganhou o mesmo piso de mármore do restante do imóvel e teve as paredes e porta revestidas de madeira ébano macassar.

Geometria colorida

Forrado de madeira clara, o lavabo dessa residência possui um pé-direito mais alto que o padrão, o que já contribui para que ele pareça maior, mas o detalhe mais bacana e original é a bancada da cuba, que lembra um diamante esculpido. Na cor azul marinho, a estrutura possui ângulos agudos e ainda contrasta com o vidro avermelhado da janela.

Improvisação e cor

Para sua pesquisa de mestrado “Habitar Híbrido: Interatividade e Experiência na Era da Cibercultura”, o designer Guto Requena encarou o desafio de decorar o seu próprio apartamento com um orçamento apertadíssimo. A alternativa foi encontrar soluções econômicas e ousadas, como a cuba do lavabo, que um dia já foi uma mera saladeira de plástico. Pra destacar ainda mais esse ambiente, Guto elegeu um forte tom de laranja.

 Bem iluminado

O destaque do espaço criado por Carolina Rocco é, sem dúvida, a cuba. Desenhada pela própria arquiteta, a peça foi executada em Corian, material versátil e de grande resistência, e apóia-se em uma prateleira estreita de pequiá. Para reforçar a continuidade com a área social, o piso exibe a mesma madeira de demolição do restante do living. Pela janela, a luz do sol invade o lavabo e traz a sensação de amplitude.

Coberto de estampas

O uso de papel de parede em lavabos é até bem comum. Por terem menos umidade que os banheiros com chuveiro, esses cômodos acomodam perfeitamente os revestimentos mais delicados. O que diferencia esse projeto dos outros é que o papel foi aplicado também no forro de gesso, estampando o teto com a padronagem trabalhada em azul e branco.

Beleza rústica

Em um reservado condomínio de Goiânia existe uma casa que se esconde na mata nativa, como um segredo a ser descoberto. A arquitetura e os interiores, com assinatura de Leo Romano, carregam uma estética contemporânea, mas ainda assim foi possível adicionar um toque de rusticidade a essa mistura. No lavabo, a parede é de madeira e a bancada em pedra possui dois níveis, deixando o espelho e os produtos fora do alcance da água.

Fotos via Guilherme Torres | Pinterest | Casa de Valentina | Casa Claudia | Anual Design

A LOJA DESCOLADA DE ADRIANA BARRA

Na esquina da Alameda Franca com a Rua Haddock Lobo, nos Jardins, uma grande casa coberta por jardins verticais desperta a curiosidade de quem passa por ali. Ainda que a construção possa ser misteriosa para a maioria, os fashionistas de plantão já sabem: esse casarão surpreendente abriga a arrojada loja da estilista Adriana Barra, inaugurada em Setembro de 2009.

Com pouco mais de 350 m², o imóvel exibe uma arquitetura livre de excessos, onde as caixas de concreto e madeira criam um divertido jogo de contrastes com os painéis paisagísticos. Para promover a entrada de luz natural, fendas de vidro em posições estratégicas foram outra alternativa interessante usada no projeto arquitetônico.

Além dos blocos anexos à construção original, o antigo casarão teve partes de sua estrutura restauradas, a exemplo do piso em perobinha e das grandes janelas em pinho-de-riga, madeiras atualmente em extinção. A escada principal também foi preservada e ganhou um visual contemporâneo graças aos degraus coloridos que seguem cores da cartela Pantone.

Recriando um universo lúdico e criativo, a decoração da loja, idealizada por Adriana, tem um apelo quase cenográfico que permitiu a criação de detalhes atrevidos, como os provadores que lembram banheiros retrô e um ambiente totalmente revestido por pastilhas com estampa assinada pela própria Adriana. Encanamentos de cobre viram cabideiros inusitados e contracenam com bancos feitos de alvenaria e muitos móveis de designers e marcas renomadas, como a Moroso.

Em cada novo espaço que se entra, a loja com cara de casa vai revelando cantinhos divertidos e moderninhos, encantando os clientes e os introduzindo à atmosfera mágica das criações da fashion designer.

Fotos por Tuca Reinés via Flickr Adriana Barra

BRISES VIRAM DIVISÓRIA

Boa ideia: O arquiteto Rico Mendonça transformou um antigo estúdio de artes em uma simpática casinha com mezanino. É nesse andar que fica o dormitório e também a ideia mais legal de todo o projeto de reforma: um guarda-corpo feito de brises de ferro e madeira. O legal é que esse recurso promove a ventilação e a iluminação natural.

 Foto via Casa Claudia

MULHERES E MENINAS DE ADAMS CARVALHO

Pessoas, bicicletas, cidade… São muitos os temas retratados pelo sorocabano Adams Carvalho em seus trabalhos, seja nas versões de xilogravura digital, em suas pinturas ou até em animações. Ainda que os temas sejam vários, aqui escolhemos só um, que talvez seja o que ele também mais goste: mulheres. Inocentes ou sedutoras, as personagens desenhadas por Adams são sempre cativantes e poéticas.

APARTAMENTO HARMONIA DO COLETIVO WHYDESIGN

Referências ao movimento brutalista estão por toda a parte nessa cobertura de 132 m² na Vila Madalena, em São Paulo. Da laje original às vigas de concreto, o apê expõe sem medo – e sem maquiagem – todos os detalhes que definem sua estrutura. A reforma às avessas, que durou cerca de 5 meses, foi comandada pelo coletivo WHYDESIGN, formado por Guto Requena, Maurício Arruda e Tatiana Sakurai, todos já conhecidos pela busca constante por novos conceitos.

Claro que os moradores, um administrador paulistano e um advogado/designer brasiliense, tiveram grande participação no resultado final da decoração, que ganhou ares masculinos não só pelos acabamentos escolhidos, mas também pelo jeito prático e “sem frescura” de distribuir os ambientes. Diversos tons de cinza orientam a paleta de cores sóbria, suavizada pelas paredes de alvenaria e azulejos brancos.

Como já é comum na maioria das casas, a cozinha integra-se ao living, deixando o andar de baixo quase sem paredes, totalmente aberto. Pra reforçar a sensação de amplitude e unidade visual, os designers propuseram o uso de um mesmo piso em todo o apartamento, o ladrilho hidráulico cinza, que reveste inclusive a suíte e o closet, no pavimento superior.

Ainda na área social, a iluminação também chama a atenção, formada por calhas em ziguezague que abrigam lâmpadas fluorescentes de efeito amarelado. Ali, a escada de formas orgânicas atua como protagonista ao lado de móveis de design assinado, como as ousadas peças concebidas por Rodrigo Almeida.

Com teto de madeira pra proporcionar mais aconchego, o andar de cima também traz soluções arquitetônicas interessantes. A primeira delas é a ligação entre dormitório e sala de banho, que se dá através de portas pivotantes escuras. A segunda, e ainda mais surpreendente, é o box do banheiro, fechado por uma folha de vidro que revela a vista para a varanda – e para a cidade lá fora.

Fotos via Flodeau

SEXTA INSPIRADA! HOME OFFICE

Com as cidades cada vez mais atoladas pelo trânsito, a solução de trabalhar em casa parece ganhar cada vez mais adeptos. Além de proporcionar mais conforto, menos stress e menos gastos, os home offices ainda permitem que a pessoa conviva mais com os filhos ou animais de estimação. Confira alguns ambientes que provam que o futuro do trabalho é ser feito dentro do lar doce lar.

Jardim na parede

Mesmo pequeno, o home office das cenógrafas Gigi Barreto, Olivia Azevedo e Natasha Frota, consegue surpreender qualquer um. Isso porque, em busca de deixar o ambiente mais aconchegante e poético, elas tiveram a incrível ideia de forrar a parede da janela com hera sintética. Essa foi uma maneira inusitada de trazer a natureza mais pra perto — mesmo que seja artifical.

Iluminação diferenciada

Por mais que esse projeto seja um espaço de mostra, a metragem reduzida o aproxima dos escritórios reais, onde é preciso tirar proveito de cada cantinho disponível. O grande diferencial é o pé-direito duplo, que permitiu a brincadeira com pendentes e travas de aço proposta pelos designers Marcelo Jardim e Tiago Freire. Essa foi mais uma participação da dupla na Casa Cor RJ, na edição de 2011.

Com vista para o verde

Praticamente todos os cômodos da residência idealizada por Lia Siqueira em Mangaratiba, no Rio, se relacionam com o jardim, inclusive o home office. Ao invés de divisórias fixas, portas de correr fazem a ligação entre interior e exterior, enquanto a bancada de madeira fica desencostada das paredes. Com poucos móveis e objetos, o maior destaque do ambiente é mesmo o lado de fora.

Alma de artista

Obras de arte e peças de estilos completamente diferentes — uma mesa de centro rústica e uma bancada de trabalho futurista — convivem em perfeita sintonia na casa de uma artista plástica francesa. Ali, no living mesmo, a moradora consegue trabalhar sem preocupação e ainda desfruta da luz natural vinda do terraço. A estante de madeira reúne poucos elementos, sem pesar no visual.

Estante vazada, mais claridade

Em um amplo ambiente praticamente sem divisórias, o arquiteto e designer Omer Arbel propôs um home office integrado ao restante da área social para o lar de seu colega de trabalho. Na estante, com desenho também assinado por Arbel, o morador guarda sua coleção de discos, livros e arranjos de cactos.

Inspiração no ateliê

Além da luminosidade natural, que se reflete no piso e nas paredes brancas, a grande sacada desse escritório é que a bancada fica no centro do ambiente, longe de qualquer parede. A mesa branca também possui um detalhe bem bacana: sob o tampo de vidro é possível guardar objetos e livros, ou mesmo imagens de inspiração. Com pés de cavalete, o móvel pode facilmente ser reproduzido em qualquer marcenaria. Para tornar o cantinho ainda mais charmoso, a luminária azul fica ao lado do vaso de flores, que são sempre bem-vindas.

Fotos via Casa Claudia | Bamboo | Jean Francois Venet | Dwell | The Style Files

KENOA BEACH | RETIRO PARADISÍACO EM ALAGOAS

Quem já foi a Alagoas alguma vez na vida, não se esquece nunca. As águas são calmas e cristalinas, a areia, branca e macia, e a mata, incrivelmente exuberante. É nesse cenário de tirar o fôlego, na reservada praia Barra de São Miguel, a apenas 30 km de Maceió, que o Kenoa Beach Resort and Spa abre suas portas para o horizonte paradisíaco — e para os poucos hóspedes que conseguem bancar essa experiência única.

Toda a concepção do hotel, erguido nos limites de uma reserva ambiental, partiu da necessidade de preservar ao máximo a vegetação nativa, exaltando cada trecho de verde e criando espaços totalmente voltados à contemplação. Inspirado pelas essências, cores e formas primitivas da natureza, o arquiteto Osvaldo Tenório dedicou-se a estabelecer uma relação de simbiose entre construção e paisagem.

As paletas de cores e materiais também seguem as nuances terrosas e esverdeadas do entorno, com o predomínio da madeira e de tijolos de pedra na cor de areia. A intensa luz do sol valoriza a mistura de elementos e tons suaves, invadindo os cômodos através de aberturas estratégicas, como panos de vidro do piso ao teto que revelam partes de vegetação por diferentes ângulos.

Galhos de árvore caídos, móveis feitos de toras reaproveitadas e arranjos com espécies tropicais, distribuídos pelas 23 villas e suítes reservadas, piscina e áreas comuns, funcionam como ornamentos naturais nos ambientes e intensificam o conceito eco-chic do projeto. Em dias em que o principal luxo é justamente ter tempo para descansar, o Kenoa Beach Resort parece ser o esconderijo perfeito para se esquecer da vida.

Imagens do projeto via Yatzer

%d blogueiros gostam disto: