Posts Tagged ‘ geométrico ’

TOP 5 | LADRILHOS HIDRÁULICOS

Quem resiste a um lindo piso, parede ou painel coberto por ladrilhos coloridos e estampados? Herança européia, esses revestimentos surgidos no século XIX estão mais atuais do que nunca! Veja 5 opções de como usá-los na decoração e vá garimpar os seus.

{ Nunca esqueço do dia em que estava num restaurante com meu pai e ele me explicou direitinho como os ladrilhos hidráulicos eram feitos e como o trabalho era delicado e artesanal… Desde então, sou apaixonada por eles. }

# 1 No home office da casa projetada pelo escritório ASKarchitects na Grécia, o piso ganhou um desenho floral em tons de cinza e branco. Os móveis e objetos contemporâneos quebram o ar tradicional da composição.

# 2 Esse pequeno nicho na parede da cozinha não teria nem metade do charme se não fosse pelo acabamento de ladrilhos. Ao invés de armário, prateleiras sem portas para revelar o fundo delicado em rosa, vermelho e preto.

# 3 Já na cozinha decorada pela dupla do estúdio Arquitetura Paralela, o piso com detalhes geométricos é o grande chamariz do ambiente. Por conta da ausência de armários sob a pia, a estampa fica ainda mais visível.

# 4 A casa reformada pelo designer Francisco Cálio no litoral paulista guarda muitas histórias. Algumas delas ficam expostas nos pisos, que revelam misturas de ladrilhos de épocas e estilos diferentes. Quase como um registro histórico particular.

# 5 Feitos à mão, os ladrilhos da marca Marrakech Design são assinados por grandes designers, como os arquitetos suecos do Claesson Koivisto Rune. O modelo abaixo é da linha Stone.

Fotos via Yatzer | Pinterest | Casa de Valentina | Evelyn Muller | The Bohmerian

MÁQUINA DE FAZER DESIGN

Sabe aquelas peças de design tão diferenciado que encantam ao primeiro olhar? As criações do projeto Faceture, comandado pelo designer Phil Cuttance com o apoio do conselho Creative New Zealand, são exatamente assim, criativas e fascinantes. Agora, talvez ainda mais surpreendente do que o resultado em si, seja a máquina idealizada por ele para produzir tais itens. Prática de usar, a engenhoca exige apenas uma mistura de tinta e resina + um molde de polipropileno para dar forma a vasos, luminárias e até mesinhas laterais. Duvida? Então assiste ao vídeo aí embaixo.

Demais né? Tão simples e ao mesmo tempo tão incrível. E a máquina ainda conta com rodinhas, pra ser deslocada facilmente, e uma prateleira inferior, pra apoiar as peças recém-produzidas. Os moldes são feitos em dois tamanhos e formam uma carcaça toda facetada com triângulos, o que dá aos objetos uma textura interessante e geométrica.

Fotos by Petr Krejci via Phil Cuttance

HOTEL EM PARIS

A apenas cinco minutos de caminhada da famosa avenida Champs Elysées, o Hôtel du Ministère recebe seus hóspedes com cores vibrantes e estampas geométricas divertidas. Inovador, o projeto de reforma ficou a cargo do designer François Champsaur, que desenvolveu os espaços internos quase como se tivessem personalidade própria. O lounge, por exemplo, reúne um mar de pufes e sofás em vários tons de azul que ganham ainda mais vida com a luz do sol, convidada a entrar pela grande abertura de vidro no teto.

Apesar de usar padrões gráficos fortes e cores intensas, François conseguiu criar uma atmosfera extremamente elegante onde o mix de madeira, mármore e tecido é o grande protagonista. Cada suíte do hotel-butique revela algum detalhe diferenciado, alguma nova textura, almofada ou até outra disposição de móveis. Dessa forma, o conceito de exclusividade ganha ainda mais valor.

Fotos via TheDesignerPad

SEXTA INSPIRADA! LAVABOS

{ Ok, eu confesso que no último mês a “coluna semanal” acabou virando quinzenal, mas dezembro é sempre mais lento né? E agora ela volta com força total }

Sempre usados pelas visitas, os lavabos estão presentes em praticamente todo tipo de casa e apê. Mesmo pequenos, esses espaços podem revelar muito sobre a personalidade do dono da casa e causar grande impacto visual. Nos projetos abaixo, conheça ótimas propostas de como criar detalhes diferenciados e marcantes. Agora você não tem desculpas pra ter um lavabo sem graça!

Passagem Secreta

Depois da ousada reforma comandada pelo arquiteto Guilherme Torres, esse apê em Curitiba nunca mais foi o mesmo. { Veja o projeto completo aqui }. Com acesso direto ao hall de entrada, o lavabo precisava ficar totalmente camuflado à primeira vista, por isso o ambiente ganhou o mesmo piso de mármore do restante do imóvel e teve as paredes e porta revestidas de madeira ébano macassar.

Geometria colorida

Forrado de madeira clara, o lavabo dessa residência possui um pé-direito mais alto que o padrão, o que já contribui para que ele pareça maior, mas o detalhe mais bacana e original é a bancada da cuba, que lembra um diamante esculpido. Na cor azul marinho, a estrutura possui ângulos agudos e ainda contrasta com o vidro avermelhado da janela.

Improvisação e cor

Para sua pesquisa de mestrado “Habitar Híbrido: Interatividade e Experiência na Era da Cibercultura”, o designer Guto Requena encarou o desafio de decorar o seu próprio apartamento com um orçamento apertadíssimo. A alternativa foi encontrar soluções econômicas e ousadas, como a cuba do lavabo, que um dia já foi uma mera saladeira de plástico. Pra destacar ainda mais esse ambiente, Guto elegeu um forte tom de laranja.

 Bem iluminado

O destaque do espaço criado por Carolina Rocco é, sem dúvida, a cuba. Desenhada pela própria arquiteta, a peça foi executada em Corian, material versátil e de grande resistência, e apóia-se em uma prateleira estreita de pequiá. Para reforçar a continuidade com a área social, o piso exibe a mesma madeira de demolição do restante do living. Pela janela, a luz do sol invade o lavabo e traz a sensação de amplitude.

Coberto de estampas

O uso de papel de parede em lavabos é até bem comum. Por terem menos umidade que os banheiros com chuveiro, esses cômodos acomodam perfeitamente os revestimentos mais delicados. O que diferencia esse projeto dos outros é que o papel foi aplicado também no forro de gesso, estampando o teto com a padronagem trabalhada em azul e branco.

Beleza rústica

Em um reservado condomínio de Goiânia existe uma casa que se esconde na mata nativa, como um segredo a ser descoberto. A arquitetura e os interiores, com assinatura de Leo Romano, carregam uma estética contemporânea, mas ainda assim foi possível adicionar um toque de rusticidade a essa mistura. No lavabo, a parede é de madeira e a bancada em pedra possui dois níveis, deixando o espelho e os produtos fora do alcance da água.

Fotos via Guilherme Torres | Pinterest | Casa de Valentina | Casa Claudia | Anual Design

COLETIVO MUDA | ARTE DE RUA EM AZULEJOS

Eles são em cinco: João Tolentino, Bruna Vieira, Rodrigo Kalache, Diego Uribbe e Duke Capellão. Juntos, esses designers e arquitetos formam o coletivo MUDA, que tem transformado a paisagem urbana do Rio de Janeiro, trazendo respiros de cor e arte para a agitada rotina da cidade. Hoje, o MUDA representa uma nova forma de arte de rua que, ao invés de usar as paredes e muros crus, explora um novo suporte, os azulejos.

O engraçado é que na verdade a história do grupo começou sem a pretensão de mudar o cenário urbano. A princípio, as estampas gráficas criadas por eles eram estudos de padronagens que poderiam ser usadas em seus projetos, no Estudio Utopia e no Movimento Arquitetura. Acontece que esses processos criativos renderam tantos frutos que não deu outra, eles decidiram se dedicar cada vez mais ao coletivo.

Foi com João e Duke, que têm mais de 10 anos de experiência com grafite, que surgiu a iniciativa de levar o MUDA às ruas. A partir daí, a empolgação do time de artistas só cresceu, impulsionada pela adrenalina, pela diversão e pelo prazer de causar uma verdadeira MUDAnça na cidade. E as transformações foram tão marcantes que o coletivo conquistou admiradores e, assim, espaço para criar painéis até mesmo dentro de casas, apartamentos e mostras importantes, como a Casa Cor RJ.

A proposta do grupo agora é manter as intervenções na rua, é claro, mas também se dedicar aos projetos de design e construção civil, desenvolvendo estampas e padrões únicos, e aproximando ainda mais arquitetura e arte.

Gostou? Então veja muitos outros trabalhos do MUDA no site oficial, com fotos em alta resolução e tudo mais.

OS MÓVEIS INCRÍVEIS DE KHAI LIEW

A carreira de Khai Liew começou bem despretensiosamente. Até seus 40 e poucos anos, Khai trabalhou como restaurador de móveis, mas nunca tinha estudado sobre o tema ou sentido o desejo de desenhar suas próprias peças. Felizmente, ele mudou de ideia e em 1996 abriu um estúdio para se aventurar pelo mundo do design.

Atuando na área criativa há quinze anos, Khai consegue como poucos extrair toda a beleza da madeira com uma sensibilidade e estética bem particulares. Não é à toa que logo de cara suas criações já impressionaram nomes influentes do mercado australiano de artes, o que abriu muitas portas para que ele alcançasse o prestígio com diversos prêmios e exposições.

Decorados com elementos geométricos, texturas e detalhes em alto relevo, seus móveis são produzidos à mão e normalmente feitos sob medida para os clientes. As fotos dessa matéria são de sua coleção completa lançada em 2010.

 

Ilustrações e cubos coloridos

Em pequenas molduras brancas, robôs, pinguins e até mesmo caveiras ganham cores delicadas nos mosaicos geométricos criados pela designer Julia, de Amsterdã. Autora do blog Rock that horse, que reúne inspirações de design gráfico – e da vida também -, Julia tem uma loja virtual com seus trabalhos a preços até que acessíveis. Vale a visita.

E o melhor é que ela envia os pôsteres pro mundo todo, inclusive aqui pro Brasil.

%d blogueiros gostam disto: